Mundo Mulher

/

Entrevista - Valéria Paiva - Buquê Ônix

Buquê Ônix

 

 

Entrevista - Valéria Paiva

A arquiteta Valéria Paiva, de Natal Rio Grande do Norte, aproveitando sua habilidade manual, criatividade e formação profissional, ousou ao criar uma alternativa super diferente para o buquê de noiva. Usando a pedra de ônix (pedra semi-preciosa)lapidada, inova ao oferecer um produto muito diferente e de longa durabilidade.


Conversamos com ela para conhecermos melhor o seu trabalho:


- Atelier de Noivas: Valéria, como surgiu a idéia de fazer um buquê de "pedras"?

- Valéria Paiva: Desde criança sou totalmente fascinada por vestidos e acessórios para noivas. No ano passado fui convidada para participar de uma festa a fantasia só para arquitetos e como não poderia ser diferente, lá estava eu buscando criar uma fantasia de "noiva estilizada". Deveria ser algo bonito e interessante, pois era uma festa séria e muito "chic". Foi então, quando imaginei(além do restante da fantasia) um "buquê-de-pedra". Fiz várias experiências até que cheguei ao ônix (pedra semi-preciosa), defini a forma e a cor da pedra que desejava e montei o arranjo...ficou lindo, foi um sucesso! A minha habilidade manual e criatividade são bem mais aguçadas devido aos conhecimentos que minha profissão exige - sou arquiteta (trabalho com o Patrimônio Histórico do Estado do RN, há 22 anos).

- Atelier de Noivas:
Como foram feitos os primeiros buquês?

- Valéria Paiva:
Eram buquês "neutros"; dourados, prateados, brancos, marfim...todos os materiais usados se adequavam a quaisquer situações.

- Atelier de Noivas: Eles podem ter cores e modelos diferenciados?



- Valéria Paiva: Hoje, monto os buquês atendendo aos pedidos das noivas/clientes, que variam nas cores, tamanhos e formas do ônix, variam também as cores dos arames de alumínio usados como suporte e montagem dos buquês e também nos diferentes materiais usados como complemento e acabamento, exemplo: tule, organdi, vualete, fitas e etc. Inclusive pode-se fazer uma composição de buquês: noiva e daminhas.

- Atelier de Noivas: Quais são as vantagens do buquê de ônix?

- Valéria Paiva: A boa aceitação desse tipo de buquê, tem sido em função da sua diferente forma de apresentação (inovação), no conforto e tranquilidade de providenciar e obter a peça com antecedência ao evento e também pela sua durabilidade, podendo ser mantido como peça de recordação por um longo tempo.

- Atelier de Noivas: Qual a durabilidade deste buquê?

- Valéria Paiva: A durabilidade é em função do material básico utilizado: o ônix ( pedra semi- preciosa e o arame de alumínio.

- Atelier de noivas: Você atende noivas apenas de Natal?

- Valéria Paiva: Como se trata de um novo produto, tenho atendido mais às noivas/clientes natalenses, mas tenho condições de atender pedidos de todo o Brasil.

- Atelier de Noivas: Com quanto tempo de antecedência a noiva deverá fazer a encomenda?

- Valéria Paiva: Dependendo da escolha do ônix (cor, forma e tamanho) monto o buquê entre 5 e 10 dias. Preciso de 5 dias quando já tenho disponível o ônix desejado, e 10 dias quando é necessário fazer lapidação do ônix escolhido pela noiva/cliente.

- Atelier de Noivas: Em que cores estes buquês podem ser feitos?

- Valéria Paiva: Basicamente o branco neve e o branco pérola. Existe também o branco mesclado com amarelo, salmon, branco mesclado com salmon, caramelo e também algumas variações da própria pedra.

- Atelier de Noivas: Como fazer as encomendas?

- Valéria Paiva: Entrar em contato comigo:
VALERIA PAIVA
Rua: Maxaranguape 910 - 501
Tirol Natal-RN CEP: 59020-160
Fone:(84)221 2864
E-mail: valeriavpo@bol.com.br

Atelier de Noivas: Bom Valéria, obrigado pela sua entrevista e sucesso com o seu trabalho.

Em tempo - a artista Valéria Paiva é arquiteta e trabalha no Patrimônio Histórico de Natal há 22 anos.

Mundo Mulher
Mundo Mulher
Mundo Mulher
box_veja