Mundo Mulher

/

A ESCOLHA DO DIA IDEAL PARA CASAR

18/11/2010

SEXTA, SÁBADO OU DOMINGO?

Realizar uma cerimônia ao ar livre, com direito a festa memorável é o sonho de todo casal, porém, dentre tantas escolhas que os noivos devem fazer, é importante estarem atentos a alguns aspectos, como a escolha do dia da semana, o perfil do casal e o orçamento geral do evento. Pensando nisso, Marcio Silva, decorador e especialista em ambientação do castelo Aragon - localizado na Granja Viana, a 20 minutos de São Paulo -, indica 3 opções diferentes de casamentos.


Um dos momentos mais importantes da organização de um casamento é a decisão do dia ideal para realizar o evento. Cada dia tem seu encanto e diferencial”, explica Alain Pierre Berjeaut, herdeiro do Castelo Aragon e diretor do espaço de eventos.

 

Casar na sexta-feira, o dia da balada!

Sexta-feira é considerado o dia da veneração e do amor sublime. A escolha desse dia é ideal para os casais jovens, que focam menos na cerimônia e no jantar e mais na balada. São casais que marcam as cerimônias para mais tarde e investem em serviços de bar e atrações musicais, sem focar tanto no Buffet e na decoração. Este formato combina com casais que têm verba enxuta para a festa, mas que não abrem mão de fazer uma celebração marcante e animadíssima.

 

 

Casar no sábado, o romance está no ar...

A procura pela realização da cerimônia aos sábados, ao pôr-do-sol e com direito a um romântico fim de tarde, tem se tornado tendência, principalmente para quem não abre mão de um casamento sofisticado e descontraído. Os casais buscam o jardim, com o sol se pondo ao fundo do altar e normalmente investem em decoração floral, coquetel e jantar. Esse perfil de casal investe na cerimônia, pois está focado na tradição do casamento e em belíssimas mesas de doces, bolos cinematográficos, lembrancinhas e tudo o que tem direito em um casamento romântico.

 

Casar no domingo, naturalmente clean

No passado, os casamentos eram celebrados somente aos Domingos. Hoje não é tão freqüente, mas está se tornando novamente uma tendência. Os casais que procuram os domingos, buscam leveza, elegância e o charme de uma festa diurna, podendo explorar ao máximo os jardins e as belezas naturais do local. A decoração é mais leve e de cores mais sóbrias e os convidados podem usar chapéus à moda dos anos dourados e vestidos mais curtos.

Brunchs, Chás da Tarde e almoços são comuns neste dia e as cerimônias são geralmente marcadas para as 11 da manhã. Festas com este perfil acabam custando menos do que as tradicionais festas aos sábados.

 

Sobre o Espaço Aragon:

O Aragon, além de possuir amplos jardins para a realização do casamento em todos os dias, ainda conta com um Castelo, construído em 1970 e inspirado nos originais da região de Toulouse, na França, com 140 cômodos, antiguidades e obras de arte, além de uma capela com 36 vitrais pintados pelo renomado artista plástico italiano Gaetano Miani.

 

Alain Pierre Berjeaut, herdeiro do Castelo Aragon e diretor do espaço de eventos, explica que muitas vezes os noivos querem a sofisticação dos casamentos a noite, mas também gostam da cerimônia realizada ao ar livre, de dia e ao por do sol. “No Aragon isso é perfeitamente possível, e neste caso, oferecemos um serviço muito elegante, antes do início da Cerimônia, com um breve receptivo nos jardins do Castelo, onde são servidos sucos de frutas coloridos”, completa.

 

Um detalhe importante para noivas que não confiam na previsão do tempo é não se preocuparem no caso de chuva e contratar infra-estrutura com coberturas em stand by, pois como diz o ditado, melhor prevenir do que remediar.

 

 

História do Espaço Aragon - O Reino de Aragon

O Espaço Aragon oferece completa infra-estrutura para os mais sofisticados eventos e casamentos, da assessoria para a escolha de fornecedores, a decoração da cerimônia e recepção, o cerimonial e todos os detalhes para fazer de um sonho realidade.     

A inspiração do nome Aragon veio da região onde hoje é a fronteira entre França e Espanha, a leste do País Basco e aos pés da cordilheira do Pirineus, onde o reino de Aragon prosperava sob o governo de seu Rei, Fernando de Aragon...

O francês Guy Pierre Berjeaut, pai de Alain Pierre, nasceu em Bordeaux em 1920, e viveu até seus 30 anos de idade em Toulouse, a menos de 100 km da fronteira entre França e Espanha, local do antigo reino de Aragon, cujas paisagens marcam para sempre quem as conhece. Oficial da resistência francesa durante a segunda grande guerra, veio ao Brasil em busca de um novo país, longe dos resquícios da guerra e da destruição.

 

No Brasil se estabeleceu e fez fortuna atuando na área de cosmética e beleza, e em 1970 começou a perseguir seu mais ambicioso sonho: ver no país que adotou como seu as paisagens de sua terra natal. A realização deste sonho é uma espetacular estrutura que hoje é o Espaço Aragon.

 

Alain Pierre Berjeaut, herdeiro do Castelo Aragon, transformou o local, em 2001, num espaço de eventos sofisticado e exclusivo.  Ele estudou no Hotel Institute Montreux, na Suíça e é membro fundador da Confraria Internacional de Amigos da Hotelaria, Gastronomia e Turismo, um grupo de Chefs que após se formarem juntos, agora estão espalhados pelos melhores hotéis e restaurantes do mundo.

www.aragonsp.com.br  aragonsp@aragonsp.com.br  

Siga o Aragon no Facebook www.facebook.com/espaco.aragon e Twitter @espacoaragon (http://twitter.com/espacoaragon)

 Andréia Wingeter - andreia@spoke.com.br

Mundo Mulher
Mundo Mulher
Mundo Mulher
box_veja